Entrevista à TV Emprego

24/04/2016
por Baggio RH

Francine Baggio fala á TV Emprego

Na hora de concorrer a uma vaga de emprego, a maioria das pessoas acredita que o que vale é o currículo e a experiência. Mas não é só isso. Existem alguns detalhes importantes, que contam muitos pontos, principalmente na hora da entrevista com o recrutador. A maneira de se vestir, falar, se apresentar e até mesmo o modo de sentar na cadeira. Preste atenção, pois é a entrevista que irá definir se o emprego será seu ou não.

Francine Baggio – Psicóloga (Atualmente Diretora Executiva Baggio RH)

– Duas páginas são o suficiente. Uma página é muito pouco e três é demais. Informações que não podem faltar em um currículo são: os dados pessoais – idade, telefone, e-mail. As empresas em que a pessoa está atuando ou em que atuou. Uma síntese de qualificações. Os principais cursos que ela realizou, as línguas – se ela fala algum idioma e alguns dados como viagens internacionais, vivências no exterior. Ela pode acrescentar também algum trabalho voluntário que ela tenha feito.

Maria Cristina Andrade Vieira – Consultora – Tem uma série de detalhes que a pessoa deve estar atenta. Eu diria que, alguma coisa que é genérica, mas é muito importante é esta postura dela como um todo. A maneira de falar, a maneira de se vestir, a apresentação como um todo. Isto vai desde o cabelo, a roupa que ela escolhe… E claro, por trás de toda esta aparência (porque estamos falando de aparência), ela tem todo um conteúdo que ela vai passar. Se você é uma pessoa segura do seu conteúdo e do seu conhecimento você transmite isso em uma entrevista de seleção. Algumas pessoas têm muito conhecimento mas não conseguem transmitir. Ou não conseguem ser assertivas na transmissão deste conhecimento. በo caso do professor que sabe a matéria mas não consegue transmitir isso em suas aulas… E á s vezes este pode ser um fator que pode complicar uma entrevista.

Foi com muita força de vontade e nenhuma experiência, que Márcio conquistou o seu primeiro emprego. Após um longo processo seletivo, conseguiu a vaga de estágio e após um ano e meio, foi efetivado. Ele acredita que fez a diferença na hora da entrevista

Márcio Elias – Consultor de TI – Eu fiz um teste teórico e saí de lá desolado com aquele teste! (Mas você foi selecionado. E o que você acha que fez a diferença?) A convicção com que eu fiz a entrevista. Você tem que mostrar para o seu entrevistador que realmente você tem um interesse muito grande por aquela vaga. Que você tem condições de conseguir a vaga, por mais que você não tenha habilidade técnica, você tem condições de correr atrás desta habilidade e complementar posteriormente.

Mas um currículo bem elaborado também faz a diferença. Saber como e qual informação colocar é muito importante. Hoje, dados como carteira de trabalho, Rg e CPF já não são mais destaques. E aqueles currículos longos, com mais de três páginas, passam batidos pelas mãos do selecionador.

Se você está passando por um processo seletivo e não quer perder pontos com desatenção e pequenas falhas, fique atento á s dicas da psicóloga Gladir Sanchotene.

Gladir Sanchotene – Psicóloga – Você vai para uma entrevista de emprego e considera que a sua avaliação começa só na frente do entrevistador. Ela começa no momento em que você entra na empresa. A forma como você cumprimenta o entrevistador, a forma como você aperta a mão… Importante – você precisa sempre sustentar o olhar. Hoje, nós estamos num meio muito competitivo, o mercado está muito competitivo.

Ninguém quer alguém inseguro, alguém com medo, alguém muito frágil. Então você tem que ser firme. Você tem que mostrar e dizer porquê você está lá, naquela empresa. Então começa desde a sua sustentação no olhar, um sorriso nos lábios quando cumprimenta. Nada de muita intimidade e principalmente um aperto de mão firme.

Camiseta, jeans – calça jeans e tênis… deixa para o final de semana. A entrevista é um momento formal e exige formalidade. Cuidar bastante com a questão de jóias ou bijouterias, no caso das mulheres, muito evidentes. Isso precisa ser muito discreto. Está proibido piercing aparente. Jamais chegue atrasado em uma entrevista – isso é imperdoável. Você em todo o tempo para buscar o local, saber onde é, que ônibus se pega, quanto tempo você leva no trajeto para você chegar antes.

Compartilhe:

 
Baggio RH News
Dicas e informações exclusivas!
Fechar
close-link